Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, object given in /home/jornalacidaderegional/www/modelos/padrao/controles/posts.php on line 78
Palestra sobre Transtorno do Espectro Autista em Cornélio atrai educadores de 35 cidades
O Jornal da Região de Cornélio Procópio - Diretor: Jornalista Breno Jordão - Fone (43) 3524-1303

Cornélio Procópio - PR, - Diretor: Jornalista Breno Jordão - Fone (43) 3524-1303

Atualizado em 17/04/2019 às 00:18:15

Palestra sobre Transtorno do Espectro Autista em Cornélio atrai educadores de 35 cidades

Imprimir

Da Redação

O médico Clay Brites, especializado em Neurologia Infantil, participou recentemente de uma Palestra sobre TEA – Transtorno do Espectro Autista, na Igreja Nova Aliança, em Cornélio Procópio, e que foi dirigida a educadores de 35 cidades do Norte Novo e Pioneiro e do Sul do Estado de São Paulo.

Durante cerca de três horas, o profissional e profundo conhecedor do “Autismo” prendeu a atenção de todos os participantes. Segundo a vice-prefeita e Secretária de Saúde, Angélica Olchaneski de Mello, a palestra superou as expectativas dos presentes.

Ela agradeceu a todos os envolvidos no evento, especialmente as equipes de trabalho. “Esta palestra marcou o inicio de uma grande obra a ser feita no nosso município, conscientizando as famílias, os profissionais de saúde e de educação da nossa cidade e região.

É um assunto que precisa ter seus mitos esclarecidos para ser desenvolvido em toda sua amplitude”, disse Angélica Olchaneski.

Promovida pela Prefeitura do município, através das Secretarias Municipaisde Saúde e Educação, a palestra foi uma iniciativa da Musico Terapeuta Gizely Delmônico Amin em parceria com a UTFPR, UENP, NASF, Associação de Musicoterapia do Paraná e Núcleo Regional de Educação.

O ingresso para assistir à palestra foi um quilo de alimento não perecível. O médico Clay Brites, que possui consultórios em Londrina e Santo Antonio da Platina, no Norte Pioneiro,enumerou uma série de destacou a importância do neurodesenvolvimento no período escolar.

“ É sempre válido salientar que a partir do momento em que a criança obtém o neurodesenvolvimento funcionando de maneira regular, sua experiência no ambiente escolar tende a ser bastante satisfatório”, disse. (Comunicação-Prefeitura)

 



Você pode gostar também de:

» Comentários

Postagem em questão: “Palestra sobre Transtorno do Espectro Autista em Cornélio atrai educadores de 35 cidades”

 

  1. Comente esta matéria!

Enviar Comentário
Name (obrigatório)
E-Mail (não será publicado) (obrigatorio)
Cidade (obrigatorio)
 
 

Diretor: Jornalista Breno Jordão
Fone: (43) 3524-1303
®Todos os direitos reservados